O Melhor da Moda dos anos 60 e as ícones que deram sua forma.

O “look” Dior foi um grande sucesso para a moda dos anos 50, mas já nos anos 60 as coisas foram completamente diferentes. Do Vichy estampado e penteados descontraídos de Brigitte Bardot às impressões geométricas de Mary Quant, todo ícone de moda dos anos 60 contribuiu com a sua própria assinatura de estilo para a década (um tema que continuou bem na moda dos anos 1970 e além). Era a era do grupo de garotas, as supermodels  gamines e as originais IT girls . Os anos sessenta ainda oferecem aos designers de hoje uma inspiração infinita. Do saco “Birkin” duradouro da Hermès, as Noughties ( 2000 a 2009) de Dior assumiram o estilo Factory Girl da Edie Sedgwick, essas mulheres eram algumas das maiores influenciadoras da moda de todos os tempos. Muitas tradições fashion foram quebradas, refletindo as mudanças sociais e políticas importantes da década. Era a época em que nenhuma saia era muito curta e nenhuma gamine model alta demais. Hoje, podemos agradecer a década por culottes, impressões geométricas e silhuetas boxy. A partir da resposta dos anos sessenta, às celebridades do estilo de rua para os designers de moda, considere tudo isso a chave do que você precisa saber sobre a era da definição de estilo.

Twiggy

Nenhum rouding da década de 1960 seria completo sem mencionar Twiggy, nome real Lesley Hornby. Os penteados de Bob eram enormes para a moda de 1920, mas essa menina cimentou um lugar de estilo ainda mais curto na história – The pixie crop ( não tente traduzir para a colheita de duendes ).  Uma das maiores musas de todos os tempos, Twiggy rapidamente se elevou para a fama de modelo, graças a seus cílios grossos e o seu corte de cabelo de estilo juvenil, criado por Leonard que cortou para ela em 66( pixie crop). Tornou-se o rosto da década; instantaneamente reconhecível, ela foi imortalizada em tudo, desde as estampas de tela de Andy Warhol até sacolas de compras da M & S.

Jackie Kennedy

Antes de Michelle Obama e Samantha Cameron, havia Jackie Kennedy Onassis. A primeira dama elegante e original que conseguiu manter seu estilo impecável ao longo de seu tempo na Casa Branca, mesmo vivendo uma tragédia. Os ternos de jaqueta de Jackie, os chapéus de pillbox e os óculos escuros super dimensionados tornaram a inspiração do estilo para as mulheres em toda a América. O traje rosa que ela usava no dia do assassinato de seu marido caiu na história como uma das roupas mais icônicas de todos os tempos, e é um aspecto básico da moda dos anos 1960.

The Supremes 

Muito antes de Destiny’s Child, a moda e a música colidiam, havia; The Supremes. Dos vestidos de lantejoulas para ternos de saia combinando e os BEEHIVES incríveis( cabelos em forma de bolo cheios de hairspray da decada de 60), seu estilo fashion abriram as portas para grupos de garotas e músicos de todo o mundo.

Mia Farrow

O pixie crop mais curto ainda foi da famosa Mia Farrow no final da década de 1960 e continua a inspirar o mundo do hairstyle hoje. O bebê estrela da Rosemary e ex-esposa de Frank Sinatra, foi um ícone da época. Sempre adicionando um toque brincalhão ao seu look e preparando o caminho para os gostos de Alexa Chung com seus vestidos de gola Peter Pan e as famosas sapatilhas. Alias as golas Peter Pan foram uma característica bastante popular da moda de 1940, que realmente decolou na década de sessenta.

Marianne Faithful e Mick Jagger 

Com Mick Jagger, seu namorado roqueiro, os mini-vestidos esvoaçantes, o estilo de Marianne Faithful era um dos mais desejados dos anos 60. O amor pelos óculos de sol de tamanho excessivo, o mínimo de minis e as franjas no rosto arrojadas – tudo com uma forte atitude de rock and roll – são apenas algumas das razões pelas quais ela inspirou alguns dos maiores sucessos dos Rolling Stones incluindo You Can’t Always Get What You Want, Wild Horses, and I Got the Blues…

A moda de Mary Quant na década de 1960

Mary Quant não era apenas um ícone da moda dos anos 1960, ela trouxe as maiores tendências da era invadindo em massa a sua loja na King’s Road. A mini-saia, calças coloridas e capas de chuva de plástico – devemos a ela esse estilo, o pioneirismo e a epítome do look dos anos 60.

Brigitte Bardot

O estilo mundialmente famoso da bombshell francesa era incrivelmente sexy e definiu a moda dos anos 1960 para sempre. Ela fazia dos seus penteados bagunçados ou dos altos coques sua assinatura de confiança, e que todas as garotas queriam um pedaço. Quem sabia que uma franja perfeitamente perfeita e ligeiramente separada ainda seria tão procurada 50 anos depois!

0

You May Also Like